iPod

sexta-feira, outubro 16

Uma pergunta à deriva

Nem todos os caçadores são predadores, pois não?

66 comentários:

  1. Não sei ultimamente tenho as minhas dúvidas, pelo sim pelo não optei por deixar de comer caça. Excepito coelho bravo que adoro!!

    ResponderEliminar
  2. vê lá não comas gato por lebre! LOL

    ResponderEliminar
  3. diz que não se nota a diferença, não sei...

    ResponderEliminar
  4. pois, há coisas que se (nos) confundem mesmo! LOL

    ResponderEliminar
  5. quando não sei o que te dizer fico calada. Afinal o que é que queres?

    ResponderEliminar
  6. qq coisa assim do género: sim estava à espera... AJUDAVA, certo?

    ResponderEliminar
  7. À ESPERA? á quanto tempo é que eu estou à espera? es mesmo tonta!

    ResponderEliminar
  8. fica sempre bem dizer, não achas?
    á quanto tempo?... vou bater-te, minha louca! tu não podes dar um erro destes!!!!! :(
    mais logo vou fazer um post - veridico - sobre uma coisa do género...

    ResponderEliminar
  9. desculpa, quando fico nervosa nem penso, escreve sim e agora também já me habituei a isto, olha deixa lá!!

    ResponderEliminar
  10. pera, não percebi... escreve o quê?... quem está nerviosa sou eu, o que julgas?...

    ResponderEliminar
  11. ah pois é, bebé... uns queixam-se e outros têm o proveito... e eu que não era capaz de fazer bungee jumping! credo... tou que nem posso e tu a rires-te

    ResponderEliminar
  12. tás com medo? a sério? conta.me tudo

    ResponderEliminar
  13. logo! logo conto, prometo. mas tens de me dar mais tempo... eu aqui louca da vida para desabafar e tu despachas-me à força toda como o coelhinho da Alice! Parva! Se tinhas o javali ao lume escusavas de me ter feito ir fumar um cigarro para te ligar! Fez-me mal ao pulmão! Depois quero falar e não consigo! PARVA! :(
    logo tens de me ouvir, senão nunca mais te conto as novidades todas!

    ResponderEliminar
  14. aDoro.te. lloolll!! ( eu sempre quero ver onde isto vai dar, se o meu futuro não é no júlio de Matos)

    ResponderEliminar
  15. se for eu prometo que te vou lá visitar para sempre.

    ResponderEliminar
  16. p.s. esse adoro-te não devia ser todo em maiusculas?

    ResponderEliminar
  17. devia em maisculas maiores,e em negrito!

    ResponderEliminar
  18. ADORO-TE ( não sei por a letra maior nem por negrito aqui) quem dá o que tem a mais não é obrigado!!!

    ResponderEliminar
  19. mau! já estás com desculpas? ;)

    ResponderEliminar
  20. pergunta: tens alguma coisa para me dizer?

    ResponderEliminar
  21. tenho, mas vais esperar, que te faz bem. logo te digo.

    ResponderEliminar
  22. não és a senhora das esperas?

    ResponderEliminar
  23. então não sou, looolll. não tenho feito outra coisa. Isso demora muito tempo a atravessar o mar?

    ResponderEliminar
  24. bzbzbzbbzbbzbbzbbzbbzzzzzzzzzzzzz.... fundi!

    ResponderEliminar
  25. Vou banhar-me que estou atrasada!

    ResponderEliminar
  26. Há! Acho que cheguei lá: nem todos os caçadores são predadores. É isso!
    (o cerebrum está a começar a fazer efeito!)

    ResponderEliminar
  27. olha enviei alguma coisa por email tb ou tenho mesmo que ir tirar um curso disto?

    ResponderEliminar
  28. Ok tenho mesmo que tirar um curso...beijos até já... to be continued

    ResponderEliminar
  29. beijos e até já... talvez tenhas uma surpresa quando lá chegares...

    ResponderEliminar
  30. atão nã era para de se despachar?... tá esperando o quê?
    (adoro gerundio)

    ResponderEliminar
  31. desculpa a repetição, mas... FALTA MUITO?
    Safa Louca!

    ResponderEliminar
  32. Demonstrar as nossas fragilidades mostra quem verdadeiramente somos por isso não acreditar que seja uma fraqueza e sim um ponto forte, por não se ter medo de expor... somos assim e ponto final!

    Gostei!

    Beijocas aromáticas***

    ResponderEliminar
  33. uma insignificancia. só para te lembrar o quanto és especial e o quanto deves acreditar SEMPRE em ti. Eu acredito.

    ResponderEliminar
  34. isto parece terapia de choque...

    ResponderEliminar
  35. sabes que destino lhe vais dar? (não vale a resposta: para acender a lareira na primeira noite de frio)

    ResponderEliminar
  36. não tenho os lápis... tens alguma ideia da minha ideia?

    ResponderEliminar
  37. que ideia? o destino da terapia? eu só queria-te e jogar tudo o que está a mais nesta trapalhada no lixo só isso, acho que estamos a alimentar um monstro do qual nos temos que ver livres ( medo, ressentimento,distância) sabes que ouvi dizer que já cá estavas?

    ResponderEliminar
  38. não, não era essa a ideia, embora perceba por que fizeste esse paralelismo. havia outra opção que também tinha a ver contigo - refiro-me à imagem. mas gosto mais desta.
    mas a minha ideia reteres ideias para o novo projecto. a prpósito, ainda não me disseste mais nada sobre isso, monstra!
    eu não estou... mas eles já devem ter chegado, sim. o que ouviste dizer?

    ResponderEliminar
  39. que novo projecto? na verdade nem fui eu que ouvi foi a zé e me disse

    ResponderEliminar
  40. que novo projecto? de que falámos há uma semanas atrás? daaah! quando é que me começas a enviar coisas?
    (a outra ainda nem abriu o e.mail que lhe enviei, por isso não stresses)

    ResponderEliminar
  41. pelos vistos a verdade e eu não queis ouvir, que mal é que eu te fiz para me fazeres isto?

    ResponderEliminar
  42. ???????? tás pior! larga os cogumelos e diz lá isso em português!

    ResponderEliminar
  43. não me posso demorar que não me querem aqui.

    ResponderEliminar
  44. não prometas o que não estas a pensar cumprir de qq das formas se não atender tenta outra vez desde que comecei a medicação ontem passo a maior parte do tempo desmaiada.

    ResponderEliminar

O teu raio de sol...

Blog Widget by LinkWithin